Construção de pequena represa (Conclusão).

Posted Posted in ULPC-SAPO

Está finalizada a construção da pequena represa a que os membros da ULPC de Santiago e Póvoa se propuseram. Com princípio, meio e fim. Com um volume estimado de 30 m3 de água permitirá abastecer sempre que necessário o carro da ULPC SAPO (Unidade Local de Proteção Civil de Santiago de Póvoa) poupando assim a água da rede pública, e em caso de necessidade também qualquer viatura dos bombeiros. Novos projetos virão, mas este está concluído. É mais um ponto de água a adicionar ao mapa da freguesia, que pode ser consultado aqui. Todas as atividades desenvolvidas pela ULPC SAPO, bem como diversa informação (meteorologia, localização das bocas de incêndio da freguesia, etc.) lá podem ser encontradas.

 

 

 


Construção de pequena represa (1ª fase – Limpeza).

Posted Posted in ULPC-SAPO

A ULPC da UF de Santiago e Póvoa decidiu construir por meios próprios e por pura “carolice”, uma pequeno represa na ribeira de Cassurrães (designação retirada da cartografia militar) que cruza a povoação de Contenças de Baixo, junto a um dos pontões do caminho que liga a EN232 à capela desta povoação. Esta represa servirá para criar um reservatório de água, a partir da qual se possa atestar o reservatório do veículo de intervenção rápida que a ULPC possui, poupando assim a água da rede mais necessária nas torneiras de todos os lares, ou até mesmo as viaturas dos bombeiros quando em atividade por terras de Santiago e Póvoa.

Numa 1ª fase foi feita a limpeza da área (leito e margens da ribeira), a montante e a jusante do pontão. Unidos pela mesma causa, vários membros da ULPC, arregaçaram as mangas e fizeram o trabalho que mostramos aqui através de uma pequena foto reportagem.


Prorrogação do período crítico de incêndios.

Posted Posted in Avisos / Informações, ULPC-SAPO

O Governo decidiu prorrogar o período crítico de incêndios até ao próximo dia 15 de outubro, no âmbito do Sistema de Defesa da Floresta Contra Incêndios.

Seguiu já para publicação em Diário da República o Despacho do Secretário de Estado das Florestas e do Desenvolvimento Rural onde se explica que se trata de um prolongamento “tendo em consideração as circunstâncias meteorológicas prováveis para a 1.ª quinzena de outubro, de temperaturas com valores acima do que é o padrão para a época, uma baixa probabilidade de ocorrência de precipitação e porque o território nacional se encontra em níveis elevados de valores de severidade meteorológica diária acumulada”, razão pela qual se prevê “uma manutenção do risco de incêndio rural em níveis elevados”

Durante o período crítico de incêndios, nos espaços florestais ou agrícolas, é proibido:

  • Fumar, fazer lume ou fogueiras;
  • Fazer queimas ou queimadas;
  • Lançar foguetes e balões de mecha acesa;
  • Fumigar ou desinfestar apiários, salvo se os fumigadores estiverem equipados com dispositivos de retenção de faúlhas;
  • Fazer circular tratores, máquinas e veículos de transporte pesados que não possuam extintor, sistema de retenção de fagulhas ou faíscas e tapa chamas nos tubos de escape ou chaminés.

Face às condições descritas, considera-se necessário continuar a adotar as medidas e ações especiais de prevenção de incêndios florestais, que decorrem durante o período crítico, no âmbito do Sistema de Defesa da Floresta contra Incêndios.

 


ULPC – Verificação e Georeferenciação das bocas de incêndio da freguesia

Posted Posted in ULPC-SAPO

Porque prevenir é o melhor remédio, a ULPC-SAPO (Unidade Local de Proteção Civil de Santiago de Cassurrães e Póvoa de Cervães) iniciou hoje a verificação das bocas de incêndio da freguesia. Fez-se a inventariação. testou-se a funcionalidade e o caudal, fizeram-se pequenos arranjos e procedeu-se à georeferenciação. Essas e outras informações serão posteriormente disponibilizadas no site da UF de Santiago e Póvoa, para que os vários agentes de proteção civil (nomeadamente os Bombeiros), saibam onde se abastecer em caso de emergência.


ULPC – Formação

Posted Posted in ULPC-SAPO

 

Decorreu na noite de 08 e durante todo o dia 09 de Junho de 2018, nos Bombeiros Voluntários de Mangualde, uma formação para os efectivos (voluntários) das várias Unidades Locais de Protecção Civil do concelho de Mangualde, entre os quais estavam os elementos da ULPC da UF de Santiago e Póvoa. Esta formação teve uma componente teórica e prática, de forma a dar mais bagagem técnica aos voluntários presentes, para que o auxilio futuro prestado às populações seja mais assertiva e eficaz.

    

    

    

    

    

    

    

    

    

    

A maior entidade de protecção civil somos todos nós.


Unidade Local de Protecção Civil (ULPC) – UF Santiago e Póvoa

Posted Posted in ULPC-SAPO

A União das Freguesias de Santiago de Cassurrães e Póvoa de Cervães, seguindo o lema “a nossa prioridade é o bem estar de todos“, está a constituir/implementar uma Unidade Local de Protecção Civil (ULPC) na nossa freguesia. Para isso investiu na aquisição de uma viatura ligeira, onde foi montado o Kit de combate a incêndios Florestais de que já dispunha. Este trabalho foi efectuado por alguns dos voluntários que integram a ULPC. Com pequenos mas sólidos passos, a constituição desta unidade servirá para, em caso de calamidades (incêndios, tempestades, inundações, etc.), prestar um auxílio mais rápido e eficaz à população.

Não nos esqueçamos que: Todos somos protecção civil.